Día 24: Puerto Madryn - Bahía Blanca

postado em 14 de jan de 2015 05:54 por Road Garage   [ 2 de fev de 2015 05:03 atualizado‎(s)‎ ]
Hoje é o dia de deixarmos a Patagônia de vez, e ao sair da província de Chubut, fomos parados pelo exército que apoiava a polícia. Essas paradas nas divisas das províncias Argentinas são rotineiras, então já separamos os documentos para adiantar o processo, o que não deixa de ser trabalhoso:

(Ruta 3 - Divisa Chubut | Rio Negro - Argentina)

Abre a mochila, pega os documentos, análise de todos os detalhes, guarda os documentos e embala a mochila. Eu mantenho os documentos na mochila de tanque, dentro de um saco plástico, de fácil acesso, o que facilitaria o processo se a minha carta verde estivesse corretamente preenchida. Porém não estava, faltava a data de início e de término da vigência, uma informação importante do seguro:

(Dura da Gendarmeria Argentina - Problemas com a Carta Verde - Ruta 3 - Divisa Chubut | Rio Negro - Argentina)

O mais curioso foi passar por exatamente 6 fronteiras, 12 processos de migração e diversas outras "blitz" até o momento e ninguém ter percebido. O fato é que o maior interessado em ter o documento correto sou eu, e não percebi a falha, que foi devidamente contornada com o nosso "portuñol". Liberados em seguida.

Viagem de moto é feita de detalhes, e a maioria deles pode frustar os seus planos. Talvez quem acessa o site acha que é só acelerar as motos e tirar as fotos. Quem dera fosse!

Apesar de tudo, é muito prazeroso fazer uma viagem dessa. Acompanhado do nosso amigo e personagem, El Negro, e o rio que lhe deu o nome:

(Ruta 251 - Rio Negro - Argentina)

Saímos da ruta 3 que estava em obras e percorremos a ótima 251. Muitos consideram que a Patagônia acaba aqui, pois o cenário muda bastante, e a vegetação aumenta em tamanho: 

(Ruta 251 - Rio Negro - Argentina)

Oficialmente a Patagônia termina em outro importante rio, o Rio Colorado, que deu nome a outro personagem dessa viagem, El Colorado:

(Rio Colorado - Divisa Rio Negro | La Pampa - Argentina)

El Negro e El Colorado cruzaram seus respectivos rios e deixaram oficialmente a Patagônia. Foi sensacional rodar por aqui!

Pernada rápida até a cidade de Bahía Blanca, já na província de Buenos Aires, onde chegamos antes do pôr do sol:

(Bahía Blanca - Buenos Aires - Argentina)

Já estamos sem saco para acampar, tirar fotos e conhecer lugares. Chegamos no hotel e perguntamos para a recepcionista o que tinha de imperdível na cidade. Segundo ela, nada, pois é uma cidade de passagem.

Justamente isso. Duas cervejas e até amanhã.

Comments