Viagem Nordeste‎ > ‎

Dia 35: Teófilo Otoni - Rio de Janeiro

postado em 15 de set de 2015 04:26 por Road Garage   [ 21 de set de 2015 10:22 atualizado‎(s)‎ ]
Ontem a noite mandei uma mensagem para o amigo Delegado que mora em Ipatinga, perto de Governador Valadares, mas não consegui marcar um encontro. As 4:00 da matina estava de pé, pois a cama era uma lástima. Me lembrou bastante a Bolívia, onde eu abria o saco de dormir em cima das camas pois era mais confiável rs

Como meu farol está apagado, já que tirei o fusível por conta do curto não mapeado, carreguei a moto e esperei o sol nascer.

Pé na estrada, ultrapassando minhas carretas do dia com toda atenção já que em sua maioria a BR-116 é pista de mão-dupla, quando uma Harley Davidson FX emparelha comigo, era o Delegado! rs

Paramos para tomar um café e pão com linguiça, trocamos uma prosa e porque não, trocamos de moto:


Delegado pilotando a Ruanita, e eu pilotando sua FX com guidão original. Mesma moto, mas pegada diferente. Principalmente pelo pneu traseiro de carro:


Fazia tempo que queria observar o comportamento do pneu de carro nas curvas. Taí a foto. Delegado é um motociclista experiente, também já foi ao Ushuaia e outras longas viagens pela América do Sul, pegou o jeito bem rápido.

Na verdade, pilotar a moto com pneu de carro é questão de se tornar hábil a pilotar qualquer motocicleta em qualquer circunstância. Um coisa intrínseca aos motociclistas.

Destrocamos. Agora perseguindo o amigo:


Curva aberta em velocidade de cruzeiro, pneu segura bem mesmo no ombro, pois "torce" e a área de contato é suficiente para uma pilotagem segura seja no seco ou no molhado.

Rolézinho por alguns kms, paramos no acostamento para a foto com as FX´s:


Qualquer semelhança é mera coincidência motociclista rs

Nos despedimos e depois de alguns kms, enfim, Rio de Janeiro:


Últimos kms para finalizar a viagem e concluir por completo a 116, chego a conclusão que o trecho mais bonito é a região serrana do Rio de Janeiro, desde a divisa RJ|MG até Guapimirim, com o ponto alto a Serra dos Órgãos: 


Dedo de Deus. Obrigado por mais uma viagem em paz e segurança:


Desci a serra, chegando na garagem com o odômetro A virado, totalizando 10.136,2 kms de estrada:


Contando os dias para as próximas férias!

Bora rodar?

Comments